A importância da rectidão


 Acacio Duarte    14 Fev 2021
 Nenhum(a)    Fé - Temas Bíblicos

Quando se vê um jovem, moço ou moça, que seja promissor, devemos adiantar ou emprestar a soma necessária, com a idéia de que seja empréstimo, e não donativo.

Quando se vê um jovem, moço ou moça, que seja promissor, devemos adiantar ou emprestar a soma necessária, com a idéia de que seja empréstimo, e não donativo. Será melhor proceder assim. Então, quando for devolvida a importância, pode ser empregada para educar a outros. Mas esse dinheiro não deve ser tirado do dízimo, e sim de um fundo separado, criado para esse fim. Isso produziria uma sadia retidão, caridade e participação entre nosso povo. Tem de haver atenta consideração e um hábil ajuste da obra na causa de Deus em todos os seus departamentos. Não haja, porém, planos acanhados, mesquinhos, ao usar a porção consagrada para o sustento do ministério; pois então bem cedo o tesouro estará vazio. — Mensagens Escolhidas 2:209.


Que cada um dos que se assentam em concílios e reuniões de comissões escreva no coração as palavras: Estou trabalhando para o tempo e a eternidade; eu sou responsável perante Deus pelos motivos que me levam à acção. Seja esta a sua divisa. Seja sua a oração do salmista: “Põe, ó Senhor, uma guarda à minha boca; guarda a porta dos meus lábios. Não inclines o meu coração para o mal.” Salmos 141:3, 4.

Ao dar conselho para o avançamento da obra, homem nenhum sozinho deve ser um poder dominante, uma voz por todos. Os métodos e planos que forem propostos devem ser considerados com cuidado, de modo que todos os irmãos possam pesar os méritos relativos e resolver que métodos e planos devam ser seguidos. Ao estudar os campos para os quais nos pareça que o dever nos chama, convém tomar em conta as dificuldades que ali serão encontradas.
Tanto quanto possível, devem as comissões fazer com que o povo compreenda os seus planos, a fim de que a opinião da igreja possa amparar-lhes os esforços. Muitos membros da igreja são prudentes, e possuem outras excelentes qualidades de espírito. Dever-se-ia despertar-lhes o interesse no progresso da causa. Muitos poderão ser levados a ter conhecimento mais profundo da obra de Deus, e buscar sabedoria do alto para estender o reino de Cristo, salvando almas que estão a perecer à míngua do pão da vida. Homens e mulheres de espírito nobre hão de ser ainda acrescentados ao número dos de quem está escrito: “Não Me escolhestes vós a Mim, mas Eu vos escolhi a vós, ... para que vades e deis fruto.” João 15:16.
Deveis levar convosco o Senhor para cada uma de vossas comissões. Se sentirdes a Sua presença em vossas reuniões, todo procedimento será considerado conscienciosamente e acompanhado de oração. Todo motivo sem base em princípios será reprimido, e a rectidão caracterizará o vosso procedimento, tanto nos assuntos de pequena quanto nos de maior importância. Buscai primeiramente o conselho de Deus; pois isso vos é necessário para vos aconselhardes uns aos outros devidamente.
Precisais vigiar, para que as actividades trabalhosas da vida vos não levem a negligenciar a oração quando mais precisardes da fortaleza que a oração vos dará. A piedade está em perigo de ser alijada da alma pelo superdevotamento aos negócios. Grande mal é defraudar a alma da fortaleza e sabedoria celestiais que aguardam o vosso pedido. Precisais da espécie de iluminação que só Deus pode fornecer. Ninguém além de quem possui essa sabedoria, está capacitado para promover os seus negócios. — Testimonies for the Church 5:560 (1889).



0 Comentários